Cadastrar imóvel imobiliária

Informativo

Reforma de imóvel

O quebra-quebra na casa ainda nem começou e você já está com dores de cabeça com o orçamento, os materiais que precisa comprar, entre outras questões relacionadas à reforma. Fato é que, sem uma boa orientação, as obras podem custar caro aos ouvidos e bolso do proprietário. Valem alguns cuidados para manter a mente serena enquanto o seu apê é todo repaginado.

De acordo com o superintendente de Facilities da Nova Rio, Antônio César Maciel, entre os primeiros cuidados que o cliente deve ter ao fazer qualquer mudança no apartamento é a vistoria dos imóveis vizinhos.

“Sem a visita, o proprietário da obra não terá como se defender caso apareça algum vazamento ou rachadura em algum ambiente do seu vizinho”, explica.

Ler a convenção do condomínio é fundamental para orientar a equipe quanto ao horário de trabalho e despacho de entulho. E nada de colocar uma caçamba para recolher resíduos em qualquer ponto da rua sem consulta à Comlurb e ao edifício.

Confira as dicas de reforma que o Antônio Maciel preparou:
1 – No caso de contratar um engenheiro civil ou arquiteto para acompanhar os serviços, solicitar a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), anuidade do CREA de 2012 e cópia da carteira do CREA;

2 – Caso seja contratada uma empresa, além do engenheiro ou arquiteto que deverá acompanhar a obra, a proposta desta reforma deverá ser assinada por ambas as partes, e a empresa contratada deverá será recolher a ART referente à citada obra;

2.1 -Documentações solicitadas para a empresa: contrato social, certidão registro da empresa junto ao CREA, anuidade do CREA, checar referências comerciais, checar idoneidade dos serviços prestados em clientes já atendidos pela empresa, sendo possível visitar pelo menos dois, para in loco atestar o acabamento dos serviços a serem contratados;

3 – De preferência, a proposta deverá estar bem detalhada em uma planilha anexa, separando as despesas com material e mão de obra;

4 – Observar a necessidade de retirada de Licença de Obra, no caso desta reforma;

5 – Deixar claro de quem é a responsabilidade da retirada do entulho. O ideal é ser da empresa contratada, que deverá contratar uma empresa credenciada junto à Comlurb;

6 – O empreiteiro deverá obedecer a lei do silêncio, iniciando e concluindo as obras conforme legislação específica;

7 – Havendo necessidade de elaboração de projetos de arquitetura e instalações em geral, solicitar ao autor do projeto o recolhimento da ART específica de cada projeto, e incluir no valor ajustado que cada projetista efetue uma planilha detalhada com os quantitativos e especificações dos diversos materiais;

8 – Antes de iniciar as obras, caso você tenha vizinhos no mesmo andar ou embaixo, efetuar vistoria em conjunto com os mesmos, evitando com isso problemas futuros;

9 – Garantir que antes da demolição todos os registros internos do imóvel estejam fechados e que todos os ralos sejam fechados utilizando jornal, pano, com a finalidade de evitar que pedaços de entulho caiam no interior das tubulações de esgoto sanitário;

10 – Antes de iniciar os trabalhos de chapisco e emboço das paredes em que foram instaladas as tubulações de gás, esgoto e água potável, efetuar testes com a finalidade de garantir a estanqueidade de tubos e conexões das citadas instalações;

11 – No caso de impermeabilização de banheiros ou cozinhas, utilizando-se manta asfáltica, ATENÇÃO para: espessura e fabricante da manta a ser instalada; o local deverá ser ventilado; como sua instalação é com um utilização de maçarico a gás, proibir que o aplicador fume no local de trabalho e/ou no local tenha qualquer produto combustível; após a aplicação da manta, isolar o local e efetuar teste de estanqueidade, enchendo este espaço com 10 a 15 cm de água e marcando na parede o nível da água; acompanhar se o nível baixou e se ocorreram vazamentos nos imóveis vizinhos;

12 – Com a finalidade de garantir a conclusão das obras sem pendências, reter de cada parcela liberada de 5 a 10% (depende do porte da obra), que deverá ser liberada após a conclusão das obras sem nenhuma pendência;

13 – Verificar se as novas cargas elétricas decorrentes da reforma (acréscimos de pontos elétricos) estão compatíveis com a instalação elétrica existente antes das obras de reforma;

14 – Verificar antes do início da contratação dos serviços, os horários em que os elevadores estarão disponíveis para entrega de materiais e retirada de entulho, solicitando ao condomínio que instale a proteção acolchoada da cabine do elevador(alguns prédios costumam ter esta proteção nos elevadores de carga ou serviço).

 
Veja outras matérias



 
 
 
     
Area do cliente  
Extrato de contas, segunda via de boletos
   
Newsletter  
 
  • 31 3891-4547
  • 31 9 7545-4456
  • 31 9 8568-7166
  • 31 9 8872-7908
  • P.F. 10401
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
    Mundo Mídia "Soluções Criativas"